Astrologia – Júpiter em Escorpião e a densidade de 2018

Júpiter em Escorpião
Caminho para o Salar de Uyuni saindo por Tupiza – Bolívia, porque assim como nesta imagem, 2018 foi sobre sorrir à beira do precipício.

Não me lembro ao certo quando voltei a me ligar nessas paradas de Astrologia, tanto a Maia quanto a “convencional”. Certo é que no final do ano passado, quando li alguns quantos textos que falavam sobre a entrada de Júpiter em Escorpião, eu não imaginava quão sério seria esse negócio… E agora, que esse gigante entrou – GRAÇAS A DEUSA – em Sagitário, só consigo pensar: kirido, você não me pega mais. Tô de olho em você! Daqui 12 anos estarei mais preparada pra ti. (Essa é a expectativa, né, mores? Em 2030 a gente pega o balde de pipoca).

Enfim.

Ele entrava em Escorpião e eu voltava para Campo Grande, para uma temporada que eu não sabia direito ao certo no que daria. E chegando aqui, um milhão de sentimentos vieram à tona, como que cobrando pela minha negligência de tanto tempo sem dar a devida atenção. Eu tive crises de pânico, de ansiedade, depressão e fiquei meses sem conseguir respirar direito (às vezes ainda tenho resquícios de falta de ar), deitada na cama chorando uma dor e desespero que não me cabiam.

Colo da família, da amiga, do companheiro, psicóloga, Apometria, Tarô, Oráculo das Deusas, Reiki, mapa astral e quando consegui sair da cama, procurei novamente a yoga (gratidão eterna ao Shanti – @biagodoyoga e @tatiyoga) e fui meditando aos poucos… No caminho a @fraternidadesemfronteiras me abduziu pelas mãos dos maravilhosos @cacadoresdebonsexemplos, Ananda Marga colocou a cereja  e pronto: a UTI estava montada ao meu redor. Amor, cuidado e tempo.

Aí eu fui passando por zilhões de dificuldades e desafios – internos e externos, ciclos e mais ciclos (lunares), mas pelo menos com um pouco mais de dignidade. Janelas que se abriam e fechavam, fichas que caíam – ou despencavam – e eu fui melhorando. No final, Vênus ainda ficou retrógrada só pro gran finale – com o plus do resultado das eleições (…) até que pronto. Passou.

Júpiter foi pra Sagitário e eu já sentia/sinto um pouco mais de cadência na braçada ao nadar, ou seja, at least parei de tomar caldo e consigo dizer “terra à vista!”. E acho que um dos grandes aprendizados (pra geral) foi saber/lembrar da força de ser (mos) resistência, de ser resiliente e valorizar a nossa trajetória. O que aprendemos, vivemos e conquistamos ninguém nos tira. Combinado? “Os nossos sonhos não serão roubados”.

O lance é que ao conversar com uma amiga recentemente é que tivemos esse insight sobre o trânsito de Júpiter neste ano e acabamos ligando os pontos. E é doido observar o tanto de pessoas próximas a mim que também passaram apertado “poucas” e boas neste 2018tão véi de guerra. Pera. Boas??? Sim, boas. Porque quando a gente pasta assim de maneira real e lúcida, a gente aprende um tanto de coisa, a gente amadurece.

O período nos forçou a olhar para a nossa escuridão. Não é empurrar pra debaixo do tapete e ficar repetindo “tá tudo bem” – como eu fiz TANTAS vezes. É pra vivenciar a sua sombra e acolher os seus demônios. Queimou? Olhou pra ferida? Aprendeu? Beleza. Pode seguir, então.

E agora?

Agora “a Lua me chama e eu tenho que ir pra rua” (ou estrada?), mais uma vez. E olha: me sinto diferente e mais preparada, com mais lógica e clareza. Entendi meus pontos fracos, minhas dificuldades e a (única) alternativa é seguir conforme as novas descobertas sobre mim. Que, claro, estão em constante mudança. Que difícil!

E por isso que é tão maluca essa jornada do autoconhecimento, né? Que, na real, nada mais é do que você cada vez mais conseguir enxergar, acessar, aceitar e (con) viver com a simplicidade do seu eu interno, que é só amor e presença. O resto é neura, é a “mente que mente”. A cada mergulho você limpa mais esse canal e passa a acessar o seu eu verdadeiro mais rápido. Bom, pelo menos esse é o plano. E aí, bora? Bora que até o Sol já tá saindo de Escorpião e Sagitário tá aí!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s